Débito ou crédito? Eis a questão

Depois da reflexão do texto passado, hoje escrevo um post rápido:

Débito ou Crédito? É a pergunta que você provavelmente vai mais ouvir na sua vida. Se você for paulista, é bem possível que a segunda pergunta mais comum seja “Nota Fiscal Paulista?”.

Seguindo com uma brincadeira por ai, aqueles que pensaram tanto sobre a nossa existência antes de nós fizeram isso em vão. No final do dia as questões do “quem sou eu” e “para onde vou” vão ter de ceder o trono para que você decida se vai pagar agora ou depois.

E em paralelo com o último post deste blog, essa pergunta sobre quando pagar não vai ser sempre sobre dinheiro. Alias, quando não se tratar de dinheiro mas de alguma decisão mais abstrata, os juros para pagar/receber depois nem sempre vão ser conhecidos de antemão; eles podem ser juros altos ou podem ser juros baixos – nos extremos podem ser abusivos ou até negativos.

Sobre esse tema recomendo “O Valor do Amanha” de Eduardo Giannetti da Fonseca. No livro, o autor dá exemplos muito interessantes de como essa troca no tempo acontece até na biologia e no nosso próprio corpo, como nos processos de fotossíntese e do envelhecimento, quando o corpo cobraria a conta da energia e do stress consumido durante o tempo.

Débito ou crédito é uma decisão confusa muitas vezes. Para ilustrar isso, nada melhor que o bem humorado e conhecido vídeo do portal Porta dos Fundos com o link abaixo:

0 repostas em "Débito ou crédito? Eis a questão"

Deixe uma mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Todos os direitos reservados © 2017 - Laboratório do Valor.

Rua Lisboa, 273, Pinheiros, São Paulo – SP
E-mail: contato@labdovalor.com.br